Câmeras de corujas ao vivo

831 Câmera Coruja

De março a junho

Corujas da Flórida
janeiro-maio

Ninho da coruja-das-torres à beira-mar
fevereiro-junho

Corujas Dorset
fevereiro-junho

Mais câmeras ao vivo da vida selvagem

Onde as corujas-das-torres nidificam:

As corujas-das-torres não estão apenas em celeiros, mas também podem ser encontradas em igrejas e outros edifícios, incluindo locais naturais, como cavernas e buracos de árvores.

Quanto tempo antes dos ovos eclodirem:

As corujas eclodem após cerca de 30 dias. A fêmea inicia a incubação imediatamente após a postura do 1º ovo. Isso significa que cada ovo eclodirá em um dia diferente. Serão mais 3 meses ou mais antes de serem independentes após a eclosão.

Sobre nós
A forma fantasmagórica e pálida da coruja-das-torres, mais frequentemente vista enquanto caça silenciosamente nos campos ao entardecer, despertou muito medo e suspeita entre os habitantes do campo no passado, especialmente quando o pássaro emitiu seu típico grito áspero – um som para fazer o sangue gelar na semi-escuridão. Mas, na verdade, este pássaro não representa nenhuma ameaça para a humanidade. Em vez disso, é um caçador implacável e eficiente de pequenos mamíferos, como ratos, camundongos e musaranhos, muitas vezes prestando um serviço considerável ao fazendeiro ao aninhar-se em um anexo ou celeiro e manter o número de mamíferos baixo.

Fatos Interessantes:

As corujas-das-torres têm o sentido de audição mais apurado de qualquer ave do mundo.

Como eles escolhem um companheiro:

Pesquisas recentes mostraram que os machos preferem se reproduzir com fêmeas com muitas manchas nas coxas, uma característica única que parece refletir a saúde das aves.

O que é um pip?

Um buraco de pip é um pequeno buraco que a águia dentro do ovo faz com seu “dente de ovo” (um pequeno ponto afiado no final de seu bico) na casca externa quando começa a eclodir.

Coruja-das-torres macho adulto

Coruja-das-torres macho adulto

Eu vejo as corujas, mas onde estão os pais?

Durante as primeiras semanas após a eclosão das corujinhas, a fêmea permanecerá na caixa durante o dia com as corujinhas. O macho ficará por perto empoleirado em uma árvore próxima durante o dia. Uma vez que as corujas atingem um certo tamanho (geralmente algumas semanas após a eclosão), a fêmea deixará a caixa e empoleirará em uma árvore próxima durante o dia junto com o macho. À noite, o macho e a fêmea se revezam alimentando as corujas e depois retornam ao poleiro pela manhã.

Sobre o Ninho:

Não existe um “ninho” real, a fêmea apenas põe os 4-7 ovos no chão, geralmente entre bolinhas de coruja velhas. Características e habitat
Tamanho: 13-17 polegadas (33-35 cm)
Peso: 10-21 onças (275-600g)
Migração: Não Imigrante
Habitat: Terras agrícolas, pântanos, pradarias e desertos
População: Residente bastante comum, embora os números tenham diminuído nos últimos anos.

A luz da noite: 

Sim, eles têm uma luz brilhando sobre eles a noite toda. No entanto, a luz é chamada de infravermelho e não pode ser vista por humanos ou animais. Somente câmeras podem captá-lo. Se você saísse para aquele ninho à noite, ficaria escuro lá fora.

Corujas jovens

Corujas jovens

A coruja-das-torres parece diferente de outras corujas, tem um rosto peculiar em forma de coração e pequenos olhos negros. O arranjo reflete como ele usa seus sentidos. Os olhos são de importância secundária na caça à presa; são as orelhas que são usadas principalmente. Sua face redonda ajuda a amplificar os sons, enquanto o voo silencioso, típico de todas as corujas, reduz ao mínimo o ruído de fundo. As orelhas não são simétricas na cabeça, o lado esquerdo é mais alto no crânio do que o direito. Isso significa que o som vindo de baixo ou de cima chegará a um ouvido antes do outro, e esse atraso ajuda a coruja a distinguir de qual direção o som está vindo. A suindara tem audição tridimensional. Pode pegar comida na escuridão completa e total.